top of page

Veículos de operadores de turismo ganham selo de autorização em Itatiaia


A Secretaria Municipal de Administração, através do Setor de Transporte Concedido, informa que adesivou 35 veículos que atuam como operadores de turismo. Com os selos, os automóveis, entre bugres, jipes e trenzinhos, estão autorizados a circular no Alto Penedo. A iniciativa faz parte de uma série de ações que estão sendo desenvolvidas pelas Secretarias de Planejamento, Administração e Ordem Pública, para ordenar a atividade turística em Penedo, organizando operadores do transporte de turistas em passeios pela localidade.

De acordo com o diretor de Transportes Concedidos, Jian Castilho, havia em torno de 80 desses veículos atuando nas atividades turísticas. “Com as ações de ordenamento, a diminuição foi de mais da metade, de forma que somente empresas regularizadas, com alvará em dia, seguro para passageiros e com laudo de inspeção veicular, conseguiram o selo de autorização”, explica Castilho.

O Secretário Municipal de Planejamento, Miguel Monte, destaca que a pasta vem adotando uma série de medidas, buscando orientar os operadores sobre os procedimentos corretos para venda de pacotes, divulgação de suas atividades e transporte de turistas. “O objetivo é coibir abusos que eventualmente vinham sendo praticados por operadores de passeios pelo Alto Penedo”, conta.

De acordo com Miguel, os moradores da região reclamavam com freqüência sobre “exploração comercial descontrolada”, principalmente na área do Poço das Esmeraldas e da Cachoeira das Três Bacias. Os relatos davam conta de que carros de passeios turísticos circulavam com escapamento aberto, queimando óleo, em excesso de velocidade e superlotando os espaços dos atrativos, sem qualquer cuidado com a questão ambiental.

“Acreditamos que a redução do número de veículos, que agora circulam com selo indicando a autorização da Prefeitura para trafegar no Alto Penedo, é bom para os moradores e para todos os envolvidos na atividade turística. Nosso foco é a preservação do meio ambiente e o respeito ao patrimônio turístico, contribuindo para um turismo sustentável e não predatório”, conclui.


Fonte: Assessoria de Comunicação

VEJA TUDO:

 cidade    diário de itatiaia BLOG   cultura   esporte   política     polícia     vida social      colunistas      vídeos

+ MAIS NOTÍCIAS:

bottom of page