DIÁRIO.png
Sem título-1.png
blog 2.png

Complexo Esportivo do Jd. Itatiaia recebe nome de Raphael Quintino e área de lazer de José Batista


Raphael Quintino

O Ginásio Poliesportivo e a nova área de Lazer do bairro Jardim Itatiaia, localizado ao lado da Associação de Moradores da localidade foram abertos à população. O Ginásio recebeu o nome de Complexo Esportivo Rafael Quintino da Fonseca e a Área de Lazer de José Batista Pinto, conhecido como Zequinha. Ambos foram moradores do bairro e faleceram nos anos de 2012 e 2018, respectivamente.

Os pais de Raphael

Nascido em São Paulo no dia 3 de maio de 1994, aos quatro anos mudou-se com a família para Itatiaia, quando seu pai veio a trabalho. Filho único, sempre presente e ativo em casa, nunca parava. Junto com seu pai estava sempre disposto e envolvido em causas solidárias. Atleta de Judô, faixa verde, sempre disciplinado, comprometido e muito técnico, representou nosso município em diversos campeonatos regionais. Apaixonado por futebol era torcedor fanático do São Paulo Futebol Clube. Em 2012, ano de seu falecimento, motivou a Primeira Passeata pela Paz em Itatiaia, que reuniu centenas de pessoas.


O crime contra o adolescente, Raphael Quintino da Fonseca, 16, ocorreu na Rua Prefeito Assumpção, no Centro de Itatiaia, atrás de um palco montado para o carnaval da cidade, durante a madrugada do dia 18 de fevereiro de 2012, por volta das 2h30.


Área de Lazer do bairro recebeu o nome de José Batista Pinto, o Zequinha

José Batista Pinto

José Batista Pinto, mais conhecido como Zequinha, nasceu em 04 de agosto de 1933 em Getulândia (distrito de Rio Claro) e viveu em Itatiaia desde os primeiros anos de vida. Casou-se com Maria José Guimarães Pinto, com quem teve seis filhos, 11 netos e nove bisnetos. Foi servidor público federal do atual CRI e também taxista. Um tricolor apaixonado pelo esporte, se destacou atuando como jogador em clubes como o Itatiaia e Nacional; e foi um dos fundadores do grupo de Veteraníssimo, hoje Coroas de Ouro – ainda em atividade no Município.


Zequinha, morou por muitos anos ao lado do Estádio Municipal Antônio Corrêa, no Centro, onde mantinha em casa um barracão que guardava os materiais esportivos e também era responsável pela manutenção do campo, como forma de contribuir para o desenvolvimento do esporte amador em Itatiaia, até então distrito de Resende.


Mudou-se em 1988 para a Rua Oito, no bairro Jardim Itatiaia, em frente ao atual Centro Esportivo que passa a levar o seu nome. Figura muito conhecida e querida no bairro, Zequinha faleceu em 31 de dezembro de 2018, deixando seu legado e seu amor a família.




VEJA TUDO:

 cidade    diário de itatiaia BLOG   cultura   esporte   política     polícia     vida social      colunistas      vídeos

+ MAIS NOTÍCIAS: