DIÁRIO.png
Sem título-1.png
blog 2.png

Clonagem e golpe pelo WhatsApp: Polícia Civil alerta para aumento de ocorrências

Delegacia de Itatiaia registra aumento de 70% em registros de ocorrências desse tipo. A prevenção é o mais importante, já que esse tipo de crime pode ser de difícil apuração.

Foto: Pedro Luz

Itatiaia, 28/09/2021 - A Polícia Civil de Itatiaia faz um alerta para os usuários do WhatsApp que podem ter suas contas clonadas. De acordo com a 99ª Delegacia, da cidade, esses golpes que envolvem a clonagem de números de celulares e, principalmente, de WhatsApp surgiram há alguns meses, mas vêm se intensificando, nas últimas semanas.


De acordo com dados repassados para a redação do Diário de Itatiaia, houve um aumento de 70%, este mês, nesse tipo de ocorrência: sendo contabilizado ao menos um registro por dia. Os criminosos conseguem dados da vítima, por meio de uma conta de telefone interceptada, adquirem um novo chip e conseguem usar o WhatsApp com o mesmo número e perfil. Com isso, ele se passa pela pessoa, conversa com os contatos dela e pede algum tipo de ajuda financeira, alegando precisar fazer um depósito ou outra transação bancária. Quando o aplicativo é instalado em outro aparelho, o usuário original não consegue mais acessar o programa. No entanto, até ele descobrir que aquele problema aparentemente técnico se trata de um golpe, pode ser tarde demais.


Foi o que aconteceu recentemente com a moradora do bairro Campo Alegre, de 36 anos. “Usaram minha foto e começaram a pedir dinheiro para as pessoas próximas. Minha mãe, por eu não estar perto dela, foi a primeira vítima. Pediram 7 mil reais e passaram os dados para depósito. Sorte que meu irmão chegou na hora e falou para ela que seria golpe. Mas pela perfeição que fizeram tudo, ela demorou a acreditar. Fomos até a delegacia para denunciar pois ela ficou muito nervosa. Na delegacia falaram que o ideal era avisar os mais próximos e bloquear o número” – contou a arquiteta.


Outro morador, do bairro Jardim Itatiaia, de 30 anos, contou que também registrou ocorrência, ao ter seu Whatsapp clonado.

- Alguém estava se passando por mim, utilizando minha foto e nome no whatsapp, e estava conversando com uma pessoa. Soube disso depois de 6 meses após a pessoa que estava conversando "comigo" achar meu perfil no Facebook e falar sobre isso. Abri um Boletim de Ocorrência online e fui chamado na delegacia para explicar melhor” – disse.


Como evitar a clonagem?

Além de ficar atento a qualquer tipo de mensagem, ligação ou links que pareçam suspeitos, você deve ativar a verificação em duas etapas, que tem como objetivo dificultar o acesso de outras pessoas à sua conta. Tenha cuidado e nunca informe códigos de verificação para terceiros. Não divulgue informações pessoais nas suas redes sociais: evite repassar informações referentes ao seu número de telefone, CPF, RG ou outro dado pessoal para indivíduos ou empresas que você não conhece.


Como evitar cair no golpe?

A legislação prevê pena de detenção de três meses a um ano para quem cometer esse tipo de crime. Em todos os casos, a recomendação é desconfiar e ter muito cuidado com todas as informações recebidas e solicitadas. A prevenção é o mais importante, já que esse tipo de crime pode ser de difícil apuração. Para evitar ser enganado e ter prejuízos, o Comissário de Polícia da 99ª Delegacia de Polícia de Itatiaia, aconselha ter sempre atenção para checagem das informações. " Ao receber esses tipos de mensagem desconfie, cheque, ligue.”


O comissário acrescenta que é preciso muito cuidado com as transações feitas pelo PIX. Todas as transações devem ser confirmadas antes da transferência.

VEJA TUDO:

 cidade    diário de itatiaia BLOG   cultura   esporte   política     polícia     vida social      colunistas      vídeos

+ MAIS NOTÍCIAS: